Home office deve crescer 30% no Brasil e alterar rotina das cidades

O trabalho remoto, também conhecido como home office, deve crescer 30% após o período de estabilização dos casos de covid-19 e a retomada das atividades no Brasil. A projeção é de um estudo feito pela FGV (Fundação Getulio Vargas). Segundo reportagem realizada pelo Jornal da Band, esse crescimento do trabalho em casa irá alterar a rotina das pessoas e das cidades.

A XP Inc., uma das maiores instituições financeiras do Brasil, anunciou há pouco mais de um mês a adoção do trabalho remoto para todos os funcionários, globalmente, até dezembro, independentemente da evolução da quarentena. Divulgou ainda a possibilidade (grande) de estender o home office de maneira permanente.

Aprenda tudo sobre Home Office em SEGREDOS DO HOME OFFICE Curso COMPLETO, por apenas R$97,00 ou 10x R$11,08.

A medida inclui, dentre os 2.700 colaboradores nos escritórios de São Paulo, Rio de Janeiro, Nova York e Miami, todos aqueles que conseguem desempenhar suas funções fora do escritório – segundo a XP, a grande maioria.

Segundo o empresário Walter Galvão Neto, que tem cerca de 200 funcionários em Belo Horizonte, os escritórios se tornarão apenas ponto de encontro. “A tendência é de que não se vejam mais esses grandes escritórios, essas estruturas gigantes, com muitos assentos, muita estrutura física, e sim espaços de compartilhamento, de reunião, de troca de ideias”, afirmou Galvão Neto ao Jornal da Band.

Foto por cottonbro em Pexels.com

Aprenda tudo sobre Home Office em SEGREDOS DO HOME OFFICE Curso COMPLETO, por apenas R$97,00 ou 10x R$11,08.

O mercado imobiliário projeta aumento do número de imóveis corporativos vazios, após três anos de reaquecimento do setor. As imobiliárias já observam devolução de salas por pequenas e médias empresas. Especialistas dizem que os empregadores perceberam que podem reduzir custos e adicionalmente oferecer melhor qualidade de vida aos empregados e até à cidade.

Segundo eles, a não necessidade de deslocamento até o trabalho faz com que o trânsito se torne mais “amigável”, o ar, mais limpo e as ruas, menos barulhentas. “Melhora a cidade, você vê que a poluição diminuiu”, diz o professor de arquitetura e urbanismo Rogério Braga de Assunção, da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais). “Não é só o tempo de viagem, a gente respira melhor nas ruas.”  

Aprenda a trabalhar em casa neste guia sobre Home Office

Foto por cottonbro em Pexels.com

Aprenda tudo sobre Home Office em SEGREDOS DO HOME OFFICE Curso COMPLETO, por apenas R$97,00 ou 10x R$11,08.

Home Office quer dizer escritório em casa e é uma modalidade de trabalho que permite que pessoas e empresas se conectem à distância.

Ninguém esperava que um vírus mundial (COVID-19) apareceria, e assim daria tanto destaque ao trabalho em casa, ou mais conhecido, Home Office. Caso tenha caído de paraquedas, este artigo serve para que você entenda melhor como funciona este modo de trabalho, que está em constante crescimento no Brasil e no mundo.

Para trabalhar home office você precisa apenas de um notebook e uma ótima conexão com a internet. É claro, com o tempo você sentirá a necessidade de um local adequado e acolhedor para trabalhar em casa. Mas um notebook e uma ótima conexão com a internet são essenciais para o início.

Foto por Christina Morillo em Pexels.com

Aprenda tudo sobre Home Office em SEGREDOS DO HOME OFFICE Curso COMPLETO, por apenas R$97,00 ou 10x R$11,08.

Aplicativos de mensagens, tanto pessoal, como empresarial, transformaram o modo como as pessoas se comunicam, compartilham informações e executam seu trabalho. Entre eles estão Whatsapp, Skype, Messenger, Slack e Google Hangouts e muitos outros que você usará dependendo de sua demanda. Em outros artigos, abordaremos cada aplicativo mais profundamente. O que é importante saber por hora, é que com esses aplicativos trabalhar em casa ficou muito mais fácil.

Existem profissões que se destacam em trabalhos remotos, como por exemplo, a fotografia, design, publicidade, jornalismo e linguagem de programação. Mas as possibilidades são infinitas e muitas outras profissões estão aderindo o trabalho remoto.

Como se define o Home Office?
Pensando literalmente, o termo Home Office significa escritório em casa, na verdade, ele não se limita apenas a isso. Os profissionais que atuam por meio desse regime de trabalho podem optar por locais alternativos que não sejam um escritório.
Assim, um Home Officer pode muito bem levar o seu notebook e o smartphone para algum local que permita acesso à internet e assim executar as suas tarefas. Em casa, um café, um hotel, um aeroporto, um parque entre outros.

Demandas do trabalho Home Office
Algumas empresas incentivam os seus funcionários a trabalharem no modo Home Office e destacam que, além de economizar com alimentação, infraestrutura e transporte, também percebem o aumento na produtividade de seus colaboradores, além de uma aumento na qualidade de vida dos mesmos.

Em uma pesquisa realizada pela Owl Labs que entrevistou 3.028 empregados pelo mundo, identificaram que o aumento da produtividade e foco é a principal razão pela qual os entrevistados escolheram o trabalho remoto.

Segundo pesquisa da SAP, em 2018 o número de Home Officers em todo o mundo correspondia a 32,5% dos profissionais. Em 2019, esse número aumentou para 35%. Enquanto o Brasil, a cidade de São Paulo é uma das maiores concentrações de Home Officers.

Foto por Spencer Selover em Pexels.com

Aprenda tudo sobre Home Office em SEGREDOS DO HOME OFFICE Curso COMPLETO, por apenas R$97,00 ou 10x R$11,08.

Como funciona o trabalho em casa?
Home Office no Brasil, infelizmente, não é acessível para todos os profissionais. É indicado para algumas profissões que dependem de um computador e uma boa conexão com a internet, por muitas vezes a conexão com a internet acaba sendo uma barreira para muitos brasileiros, mas caso não seja esse um problema para você, como dizem, “o céu é o limite”.

Existem duas características de trabalho Home Office, que pode variar de empresa para empresa.
O trabalho 100% remoto, onde não é necessário comparecer na empresa, mesmo que eventualmente, e o trabalho Híbrido, onde as empresas oferecem opções remotas e também presenciais.

Vantagens do Home Office
Entre elas estão a economia (transporte e alimentação), autonomia (gerencia os seus horários), liberdade (você trabalha como quiser desde que entregue os resultados).

Desvantagens do Home Office
Algumas delas são as distrações (Animais de estimação, visitas, telefonemas sem relação com o trabalho, Netflix), interatividade (existem pessoas que precisam estar em um ambiente que permita interação. Avalie se é o seu caso), carga de trabalho (acreditar que vai ter tempo de realizar todas as tarefas, sem estipular horários de descanso.

Como vimos, o trabalho remoto está em ascensão no Brasil e no mundo, e este é o reflexo de uma era marcada pela interatividade e pela rapidez da informação. É sempre importante avaliar se este é um trabalho onde você se sentirá feliz e realizado(a), colocando na “balança” as vantagens e desvantagens que o Home Office pode trazer para sua vida.

Caso a decisão seja “sim, eu quero trabalhar com Home Office”, seja bem vindo(a) a um mundo repleto de boas opções de trabalho, fazendo com que você tenha uma independência financeira e uma melhora significativa na qualidade de sua vida.

Não perca nosso próximos artigos, estamos apenas começando…

Aprenda tudo sobre Home Office em SEGREDOS DO HOME OFFICE Curso COMPLETO, por apenas R$97,00 ou 10x R$11,08.

10 dicas rápidas para criar um escritório em casa no qual você realmente deseja trabalhar

Trabalhar em casa é uma vantagem incrível, mas você inadvertidamente criou um espaço de trabalho tão monótono quanto um cubículo? Veja como criar o melhor escritório em casa em 10 etapas fáceis (e baratas).

Foto por Huseyn Kamaladdin em Pexels.com

Aprenda tudo sobre Home Office em SEGREDOS DO HOME OFFICE Curso COMPLETO, por apenas R$97,00 ou 10x R$11,08.

Trabalhar em casa tem muitas vantagens. Melhor equilíbrio entre trabalho e vida pessoal, sem deslocamento, mas a capacidade de projetar um escritório que você ama também é uma vantagem. Veja agora alguns conselhos sobre a criação do melhor escritório em casa: aquele que o deixa louco, produtivo e feliz também.

  1. Abrace a luz natural
    Ao colocar uma nova mesa em um escritório em casa, muitas pessoas colocam-na reflexivamente contra a parede no canto mais escuro da sala. O que eles fizeram inadvertidamente é recriar o cubículo corporativo. E quem quer isso? Mova sua mesa para perto das janelas, mas coloque-a paralela aos painéis. Essa configuração ideal oferece os benefícios de felicidade da luz natural e um bom motivo para afastar-se do computador a cada poucos minutos para assistir à cena.

  2. Crie algum espaço confortável
    Sua mesa é para trabalho ativo, mas você provavelmente também precisa de um lugar para pensar ou ler. Um ótimo escritório em casa tem uma boa e confortável cadeira para se enrolar – potencialmente com um pufe para os pés – além de uma mesa para o seu café e uma grande luminária. Adicione um lance luxuoso e um travesseiro colorido e você vai querer fazer pausas para pensar. Uma zona de conforto é uma grande vantagem de se trabalhar de casa. Se você tem espaço para isso, é uma das melhores coisas que você pode fazer por si mesmo. Além disso, em um escritório em casa, ninguém vê se você cochila!
Foto por cottonbro em Pexels.com

Aprenda tudo sobre Home Office em SEGREDOS DO HOME OFFICE Curso COMPLETO, por apenas R$97,00 ou 10x R$11,08.

  1. Adicione vegetação
    As plantas tornam as pessoas mais felizes . É como trazer o que está fora da sua janela para o seu espaço. Além disso, como a maioria das plantas pode passar um dia ou dois sem regar, você não precisará ir ao escritório nos fins de semana (como seria necessário se cuidar de outros seres vivos, como peixes).

  2. Esconda as coisas que você não quer ver
    Escritórios modernos têm muitos cabos. Coloque uma régua de energia atrás da sua mesa e conecte tudo nela. Quanto ao equipamento de escritório? Por exemplo, a aparência de uma impressora, pode não agradar todo mundo. Um boa ideia seria colocá-la dentro de um armário. Apenas não tente ignorar a propriedade de uma impressora com capacidade de cópia e digitalização. Quanto mais agradável seu local de trabalho, mais rendimento e confortável você se sentirá.

  3. Use o Pinterest com responsabilidade
    Procure inspiração, mas lembre-se de que escritórios em revistas de design podem não estar configurados para acomodar uma semana de trabalho de 50 horas. As cadeiras estofadas da sala de jantar têm uma aparência incrível, mas elas não apoiam suas costas. As pequenas mesas vintage não acomodam os arquivos do projeto e, embora algumas pessoas gostem de cores vivas, você pode ficar aborrecido ao ver uma parede inteira de tinta vermelha de bombeiros logo acima do computador, mesmo que isso faça o seu escritório parecer impressionante em uma fotografia. Tente usar combinações de cores interessantes no tapete, em acessórios como almofadas ou em arte emoldurada, se você quiser apimentar o espaço. Um bom escritório em casa precisa ser primeiramente funcional, depois bonito.
Foto por Andrea Piacquadio em Pexels.com

Aprenda tudo sobre Home Office em SEGREDOS DO HOME OFFICE Curso COMPLETO, por apenas R$97,00 ou 10x R$11,08.

  1. Siga as regras ergonômicas
    A parte superior da tela do computador deve estar ao nível dos olhos ou um pouco abaixo. Conforme você escaneia a tela, suas pálpebras naturalmente se fecham um pouco e umedecem, o que reduz a fadiga ocular. Posicione o teclado para que seus antebraços fiquem paralelos ao chão. E ajuste sua cadeira para que seus pés descansem firmemente em alguma coisa – no chão ou em um apoio para os pés, se você for baixo. Parece óbvio, mas você deve amar a cadeira em que está sentado. Caso contrário, você nunca se sentará à sua mesa.

  2. Não esqueça as lâmpadas
    Mesmo com muita luz natural, você ainda precisará de iluminação adicional para as horas mais escuras do dia. A maior parte da iluminação doméstica é inadequada para o trabalho. Experimente algumas luminárias de mesa, que oferecem um brilho suave agradável e possibilidades de design interessantes.

  3. Seja criativo com o armazenamento
    Armários de arquivo não são os móveis mais atraentes, mas você precisa de um local para colocar papéis que usa com frequência. Se você é o tipo de pessoa que precisa ver algo para se lembrar, existe um armazenamento na parede: prateleiras tipo revista ou prateleiras infantis no estilo de biblioteca. Se você precisar de prateleiras de livros, compre-as, mas não exagere para que o seu ambiente não fique tão confuso e carregado. Eles ficam ótimos como pano de fundo nas videoconferências. E se você estiver usando o quarto de hóspedes? Provavelmente tem um armário. Engane esse armário com um sistema de prateleiras, para minimizar a necessidade de armazenamento na área do escritório principal.
Foto por Karl Solano em Pexels.com

Aprenda tudo sobre Home Office em SEGREDOS DO HOME OFFICE Curso COMPLETO, por apenas R$97,00 ou 10x R$11,08.

  1. Personalize sempre seu local de trabalho
    Colocar fotos da família em sua mesa ou nas proximidades é ótimo, mas quando as coisas não são alteradas, elas se tornam um pouco como papel de parede. Eles deixam de nos deixar atentos. Portanto, gire as fotos e inclua lembranças de sucesso, desenhos animados que fazem você rir, até um perfume que faz você feliz.

  2. Excesso de estoque
    Especialmente se outras pessoas estiverem em casa durante o horário de trabalho, você não quer sair do escritório a cada poucos minutos quando precisar de coisas. Mantenha todos os seus materiais de escritório – canetas, tesouras, grampeadores, carimbos – à mão. Considere um pequeno refrigerador ou cafeteira, se você gosta de tomar algumas bebidas durante o dia. Mas cuidado, você precisa de pausas e, mesmo que tenha um escritório em casa incrível, não precisa passar a vida lá.

14 dicas para trabalhar em casa em 2020

O surto do coronavírus fez com que muitas pessoas buscassem trabalhar em  casa. Se você é novato em trabalhar remotamente, essas dicas podem ajudá-lo a manter a produtividade e manter o equilíbrio.

Foto por Andrea Piacquadio em Pexels.com

Aprenda tudo sobre HomeOffice em SEGREDOS DO HOME OFFICE Curso COMPLETO, por apenas R$97,00 ou 10x R$11,08.

A disseminação global do COVID-19, o novo coronavírus, mantém as pessoas em casa. Grande parte do mundo está confinada em casa. Sempre que possível, os empregadores estão incentivando ou exigindo que as pessoas trabalhem em casa por um período indeterminado de tempo. Se você é iniciante no estilo de trabalhar em casa, seja por causa de coronavírus ou porque conseguiu encontrar um emprego remoto, precisará alterar alguns de seus hábitos e rotinas para tornar o trabalho em casa um sucesso.

Vários desafios são encontrados, não apenas porque temos personalidades diferentes, mas também devido aos nossos vários estilos de vida e ao tipo de trabalho que fazemos. Ainda assim, muitos dos principais problemas  enfrentados em Home Office são os mesmos.

Quem trabalha remotamente precisa descobrir quando trabalhar, onde trabalhar e como criar limites entre trabalho e vida pessoal. E quanto a equipamentos de escritório, desenvolvimento de carreira, oportunidades de treinamento e construção de relacionamentos com colegas? Trabalhar remotamente, especialmente quando trabalha em casa a maior parte do tempo, significa descobrir esses problemas e outros. Aqui estão 14 dicas para levar uma vida de trabalho remoto melhor e mais produtiva:

Foto por Andrea Piacquadio em Pexels.com
  1. Crie uma rotina matinal
    Decidir que você se sentará à sua mesa e começará a trabalhar em um determinado horário é uma coisa. Criar uma rotina que o guie na cadeira é outra. O que na sua rotina matinal indica que você está prestes a começar o trabalho? Pode estar fazendo uma xícara de café. Pode estar voltando para casa depois de uma corrida. Pode estar se vestindo (usar calças de pijama para trabalhar é uma vantagem para alguns, mas uma má estratégia para outros). Uma rotina pode ser mais poderosa que um relógio para ajudar você a começar todos os dias.
    Digo “manhã”, mas nem todo mundo que trabalha em casa segue o horário das nove às cinco. A sua rotina pode ser “começar” em outra hora do dia.

  2. Manter horas regulares
    Defina um cronograma e cumpra-o…na maioria das vezes. Ter diretrizes claras sobre quando trabalhar e quando encerrar o dia ajuda muitos trabalhadores remotos a manter o equilíbrio entre vida profissional e pessoal. Um dos benefícios do trabalho remoto é a flexibilidade e, às vezes, você precisa estender o dia ou começar cedo para acomodar o fuso horário de outra pessoa. Ao fazê-lo, certifique-se de encerrar mais cedo do que o habitual ou dormir um pouco na manhã seguinte para compensar.

  3. Intervalos de horário
    Conheça a política da sua empresa sobre os intervalos e aceite-os. Se você trabalha por conta própria, reserve um tempo adequado durante o dia para se afastar da tela do computador e do telefone. Uma hora de almoço e dois intervalos de 15 minutos parecem ser o padrão para funcionários americanos em período integral.

  4. Não hesite em pedir o que você precisa
    Se você trabalha em uma empresa ou organização que oferece suporte à sua configuração de trabalhar em casa, solicite o equipamento necessário assim que começar a trabalhar em casa ou dentro de um ou dois dias quando perceber que precisa de algo novo. É extremamente importante definir os precedentes com antecedência, para que você peça o que precisa para realizar seu trabalho comodamente, incluindo o monitor, teclado, mouse, cadeira, impressora, software, etc. As organizações que estão acostumadas a funcionários remotos geralmente têm um orçamento para equipamentos de escritório em casa.

  5. Estabeleça regras básicas com as pessoas no seu espaço
    Defina regras básicas com outras pessoas em sua casa ou que compartilhem seu espaço para quando você trabalha. Se você tem filhos que chegam da escola enquanto ainda trabalha, eles precisam de regras claras sobre o que podem e o que não podem fazer durante esse período. Além disso, só porque você está em casa e pode permitir que pessoas de serviço entrem em casa ou cuidem de animais de estimação não significa que outros membros da família devam assumir que você sempre fará isso. Se é assim que você escolhe dividir o trabalho doméstico, tudo bem, mas se você simplesmente aceitar tudo por padrão porque está em casa, pode se sentir aproveitado e sua produtividade pode sofrer.
1024Foto por Ken Tomita em Pexels.com

Aprenda tudo sobre HomeOffice em SEGREDOS DO HOME OFFICE Curso COMPLETO, por apenas R$97,00 ou 10x R$11,08.

  1. Sair de casa
    Na medida em que seja permitido e seguro onde você está durante o surto de COVID-19, saia de casa, desde que você possa manter o distanciamento social, é claro. O mesmo conselho se aplica também às pessoas que trabalham em escritórios tradicionais. Deixe o prédio pelo menos uma vez por dia. Seu corpo precisa se mover. Além disso, o ar fresco e a luz natural farão bem.
    Você não precisa ir a espaços públicos lotados para se afastar do seu espaço de trabalho. Dar um passeio, fazer um alongamento, entre outros.

  2. Mantenha um número de telefone separado
    Configure um número de telefone que você usa apenas para chamadas com colegas e clientes. Não precisa ser um telefone fixo, um segundo celular ou até um cartão SIM. Pode ser um serviço de VoIP gratuito, como o Google Voice ou um número do Skype. Semelhante a algumas das outras dicas, ter um número de telefone separado ajuda a gerenciar seu equilíbrio entre vida profissional e pessoal.

  3. Socialize com colegas
    Solidão, desconexão e isolamento são problemas comuns na vida remota do trabalho, especialmente para extrovertidos. Empresas com uma cultura de trabalho remota geralmente oferecem maneiras de socializar. Por exemplo, eles podem ter canais de bate-papo nos quais funcionários remotos podem conversar sobre interesses comuns. É importante descobrir quanta interação você precisa para se sentir conectado e incluído. Mesmo se você é altamente introvertido e não gosta de socializar, experimente algumas experiências interativas, para que você esteja familiarizado com elas.

  4. Mantenha um espaço de escritório dedicado
    Em um mundo ideal, os funcionários remotos não teriam apenas um escritório dedicado, mas também dois computadores, um para trabalho e outro para uso pessoal. É mais seguro para o empregador e permite que você faça todas as suas atividades em particular. Mas nem todo mundo tem um escritório separado em sua casa, e manter dois computadores nem sempre é a realidade. Em vez disso, dedique uma mesa e alguns periféricos apenas para uso no trabalho. Por exemplo, quando o laptop está conectado ao monitor e teclado externo, é hora de trabalhar. Quando está no seu colo, é hora pessoal. Você pode ir até o particionamento do disco rígido e criar uma conta de usuário separada para o trabalho.

  5. Não seja muito duro consigo mesmo
    Os funcionários remotos mais bem-sucedidos têm reputação de serem extremamente disciplinados. Afinal, é preciso um foco sério para realizar qualquer trabalho de escritório em período integral a partir de um espaço não convencional. Se você se encontrar trabalhando um minuto e reservando vôos para as próximas férias, não se repreenda com severidade. Em vez disso, pergunte-se se as pessoas em um ambiente de escritório fazem a mesma coisa. Se a resposta for sim, dê uma folga e volte ao trabalho.
Foto por Craig Adderley em Pexels.com

Aprenda tudo sobre HomeOffice em SEGREDOS DO HOME OFFICE Curso COMPLETO, por apenas R$97,00 ou 10x R$11,08.

  1. “Apareça” nas reuniões e seja ouvido
    Certamente, você participará de videoconferências e teleconferências, mas é uma boa ideia participar de reuniões opcionais às vezes também. Certifique-se de falar durante a reunião para que todos saibam que você está na chamada. Um simples: “Obrigado a todos. Tchau!” ao final de uma reunião, será muito útil para tornar sua presença conhecida.

  2. Procure oportunidades de treinamento
    Quando você não estiver em um escritório com seus colegas de trabalho, poderá perder cursos de treinamento e desenvolvimento de habilidades ministrados pessoalmente. Sua empresa pode até esquecer de adicioná-lo aos seus cursos de treinamento on-line. Pode ser tentador considerar isso como bom, mas você pode estar perdendo a oportunidade de aprender algo útil. Fale e verifique se você está incluído.
    Além do treinamento, você pode solicitar cursos, treinamento e treinamento on-line ou pessoalmente, se necessário. Para pessoas que trabalham remotamente 100% do tempo, procure oportunidades de aprendizado ensinadas na sede da empresa ou no escritório mais próximo. Dessa forma, você recebe treinamento e fica com os colegas.

  3. Seja positivo
    Quando você trabalha remotamente em período integral, deve ser positivo, a ponto de parecer que você está sendo excessivamente positivo. Caso contrário, você corre o risco de parecer um idiota. É lamentável, mas é verdade. Então, abrace o ponto de exclamação! Encontre seu emoji favorito. Você vai precisar deles.

  4. Termine o seu dia com uma rotina
    Assim como você deve começar o dia com uma rotina, crie um hábito que sinalize o fim da jornada de trabalho. Pode ser um passeio noturno com seu animal de estimação, uma aula de ioga às 18h, entre outras atividades. Algo tão simples como desligar o computador e ativar um podcast favorito serve. O que você escolher, faça-o de forma consistente para marcar o final do horário de trabalho.

Essas são algumas dicas para melhorar o seu dia a dia. Aproveite as dicas da melhor forma possível, elas são muito importantes para o seu sucesso.

Fale sobre você (exemplo de post)

Este é um exemplo de post, publicado originalmente como parte da Blogging University. Inscreva-se em um dos nossos 10 programas e comece o seu blog do jeito certo.

Você vai publicar um post hoje. Não se preocupe com a aparência do seu blog. Não tem problema se você ainda não tiver dado um nome para ele ou se parecer complicado. Basta clicar no botão “Novo post” e dizer por que você está aqui.

Por que fazer isso?

  • Para contextualizar novos leitores. Qual seu objetivo? Por que as pessoas deveriam ler seu blog?
  • Isso ajudará você a se concentrar nas suas próprias ideias para seu blog, bem como o que você pretende com ele.

O post pode ser curto ou longo, uma introdução à sua vida ou uma declaração de missão para o blog, um manifesto para o futuro ou um simples resumo dos tópicos que você planeja publicar.

Para ajudar você a começar, confira algumas perguntas:

  • Por que você está fazendo um blog público, em vez de manter um diário pessoal?
  • Sobre quais assuntos você quer escrever?
  • Com quem você gostaria de se conectar por meio do blog?
  • Se você usar o blog direitinho durante o próximo ano, o que espera conquistar?

Você não precisa se ater a nada disso. Uma das partes mais interessantes sobre os blogs é que eles evoluem constantemente enquanto aprendemos, crescemos e interagimos uns com os outros, mas é sempre bom saber de onde e por que você começou. Além disso, organizar seus objetivos pode dar ideias para outros posts.

Não sabe por onde começar? Escreva o que vier primeiro à cabeça. Anne Lamott, autora de um livro sobre escrita que amamos, diz que você precisa se permitir escrever um “primeiro esboço ruim”. Anne tem razão. Comece a escrever e se preocupe em editar depois.

Quando estiver tudo pronto para publicar, selecione de três a cinco tags que descrevam o foco do seu blog, como escrita, fotografia, ficção, maternidade, gastronomia, carros, filmes, esportes ou o que for. Essas tags ajudarão as pessoas que se interessam por esses tópicos a encontrar seu blog no Leitor. Não deixe de incluir a tag “zerotohero” para que novos blogueiros também encontrem você.

Fale sobre você (exemplo de post)

Este é um exemplo de post, publicado originalmente como parte da Blogging University. Inscreva-se em um dos nossos 10 programas e comece o seu blog do jeito certo.

Você vai publicar um post hoje. Não se preocupe com a aparência do seu blog. Não tem problema se você ainda não tiver dado um nome para ele ou se parecer complicado. Basta clicar no botão “Novo post” e dizer por que você está aqui.

Por que fazer isso?

  • Para contextualizar novos leitores. Qual seu objetivo? Por que as pessoas deveriam ler seu blog?
  • Isso ajudará você a se concentrar nas suas próprias ideias para seu blog, bem como o que você pretende com ele.

O post pode ser curto ou longo, uma introdução à sua vida ou uma declaração de missão para o blog, um manifesto para o futuro ou um simples resumo dos tópicos que você planeja publicar.

Para ajudar você a começar, confira algumas perguntas:

  • Por que você está fazendo um blog público, em vez de manter um diário pessoal?
  • Sobre quais assuntos você quer escrever?
  • Com quem você gostaria de se conectar por meio do blog?
  • Se você usar o blog direitinho durante o próximo ano, o que espera conquistar?

Você não precisa se ater a nada disso. Uma das partes mais interessantes sobre os blogs é que eles evoluem constantemente enquanto aprendemos, crescemos e interagimos uns com os outros, mas é sempre bom saber de onde e por que você começou. Além disso, organizar seus objetivos pode dar ideias para outros posts.

Não sabe por onde começar? Escreva o que vier primeiro à cabeça. Anne Lamott, autora de um livro sobre escrita que amamos, diz que você precisa se permitir escrever um “primeiro esboço ruim”. Anne tem razão. Comece a escrever e se preocupe em editar depois.

Quando estiver tudo pronto para publicar, selecione de três a cinco tags que descrevam o foco do seu blog, como escrita, fotografia, ficção, maternidade, gastronomia, carros, filmes, esportes ou o que for. Essas tags ajudarão as pessoas que se interessam por esses tópicos a encontrar seu blog no Leitor. Não deixe de incluir a tag “zerotohero” para que novos blogueiros também encontrem você.

Fale sobre você (exemplo de post)

Este é um exemplo de post, publicado originalmente como parte da Blogging University. Inscreva-se em um dos nossos 10 programas e comece o seu blog do jeito certo.

Você vai publicar um post hoje. Não se preocupe com a aparência do seu blog. Não tem problema se você ainda não tiver dado um nome para ele ou se parecer complicado. Basta clicar no botão “Novo post” e dizer por que você está aqui.

Por que fazer isso?

  • Para contextualizar novos leitores. Qual seu objetivo? Por que as pessoas deveriam ler seu blog?
  • Isso ajudará você a se concentrar nas suas próprias ideias para seu blog, bem como o que você pretende com ele.

O post pode ser curto ou longo, uma introdução à sua vida ou uma declaração de missão para o blog, um manifesto para o futuro ou um simples resumo dos tópicos que você planeja publicar.

Para ajudar você a começar, confira algumas perguntas:

  • Por que você está fazendo um blog público, em vez de manter um diário pessoal?
  • Sobre quais assuntos você quer escrever?
  • Com quem você gostaria de se conectar por meio do blog?
  • Se você usar o blog direitinho durante o próximo ano, o que espera conquistar?

Você não precisa se ater a nada disso. Uma das partes mais interessantes sobre os blogs é que eles evoluem constantemente enquanto aprendemos, crescemos e interagimos uns com os outros, mas é sempre bom saber de onde e por que você começou. Além disso, organizar seus objetivos pode dar ideias para outros posts.

Não sabe por onde começar? Escreva o que vier primeiro à cabeça. Anne Lamott, autora de um livro sobre escrita que amamos, diz que você precisa se permitir escrever um “primeiro esboço ruim”. Anne tem razão. Comece a escrever e se preocupe em editar depois.

Quando estiver tudo pronto para publicar, selecione de três a cinco tags que descrevam o foco do seu blog, como escrita, fotografia, ficção, maternidade, gastronomia, carros, filmes, esportes ou o que for. Essas tags ajudarão as pessoas que se interessam por esses tópicos a encontrar seu blog no Leitor. Não deixe de incluir a tag “zerotohero” para que novos blogueiros também encontrem você.